AKAFLOOR MARCA PRESENÇA NA CASACOR MG

Um dos destaques da mostra é o ambiente Bangalô Bateia, do Studio 126 Arquitetura, que conta com acabamentos da Akafloor – referência em revestimentos de madeira


O forro de madeira certificada da Akafloor é um dos destaques do Bangalô Bateia na 26ª edição da CASACOR MG

A Akafloor – empresa mineira que é especializada em combinar o aconchego e a elegância natural da madeira maciça com a praticidade dos revestimentos para pisos, tetos e paredes – marca presença na CASACOR MG 2021, uma das mais relevantes mostras de arquitetura e design de interiores da Brasil, que está em sua 26ª edição.


Um dos ambientes da mostra que tem chamado a atenção de quem visita o evento sediado no Palácio dos Mangabeiras, em Belo Horizonte, é o Bangalô Bateia – projeto assinado pelo Studio 126 Arquitetura, com 120 m² destinados ao relaxamento e ao bem-estar. E é neste espaço que o forro de madeira da Akafloor faz toda a diferença. O produto foi utilizado para cobrir boa parte do espaço que faz alusões à época do garimpo mineiro


De acordo com Evandro Melato, arquiteto responsável pela obra, o principal objetivo do projeto é o de alinhar o conceito do morar contemporâneo às raízes culturais, remetendo “A Casa Original”, mote da amostra.


O acesso principal ao Bangalô Bateia acontece pelo deque, na área ao ar livre que prepara os visitantes para atmosfera do ambiente, com um living intimista e a presença da escultura esculpida em pedra sabão pelo artista Ronie Ryba, uma releitura do modulador. “Ao entrar, somos convidados a ‘mergulhar’ no universo do grande homenageado deste espaço: OSMAR PUPERI, minerador e grande incentivador da preservação e continuidade da cultura e das artes nas cidades de Ouro Preto e Mariana”, explica Melato.


A experiência arquitetônica do bangalô se dá através de uma total integração com o exterior, rodeado por um pano de vidro o ambiente elegante e minimalista é inundado pela luz natural e interage em todos os ângulos com o imponente jardim do Palácio das Mangabeiras, na Capital Mineira.


Utilizando de elementos atemporais como a pedra sabão, a madeira e o couro, priorizamos o conforto e abrimos espaço para o bom design e arte que se apresentam inclusive nos mobiliários, Zanini de Zanini que recebem os visitantes junto a lareira no louge e no jardim, propiciando um charmoso espaço para conversas e trocas enquanto é possível apreciar os objetos garimpados durante a vida do Sr. Omar, que contam a história deste ícone mineiro, que são exibidos como obras de arte, emolduradas pela estante que transpõe o ambiente e acentua o layout fluído do Bangalô.


Após uma imersão nas histórias das minas e do garimpo, como um convite à contemplação da natureza, encontra-se a sala de banho, apontada para a Serra do curral, marcada pelos movimentos de luz e sombra provocados pela pérgola com cobertura em vidro temos os chuveiros, entrelaçados com uma árvore nativa que rompe nosso piso eles oferecem uma experiência de banho diferenciada.


Outro ponto alto do ambiente é o SPA, com a banheira Bateia, instrumento historicamente usado no garimpo ela dá nome ao ambiente e foi inspiração para nossa protagonista, esculpida em pedra sabão e imergindo do chão como se brotasse ali, a banheira é “abraçada” por dois cubos também da pedra que compõem o cenário perfeito para os melhores rituais de banho, uma verdadeira desconexão com o a vida urbana.



Bangalô Bateia, do Studio126 Arquitetura, leva forro de tauari da Akafloor na CASACOR BH 2021 (Fotos: Daniel Mansur)




AKAFLOOR_whatsapp-gde1.png